Jonathan Drazen.

Lindo. O​k

Charmoso. O​k

Inteligente. O​k

Rico. Ei, não vou reclamar.

Todos os ingredientes para algumas noites de prazer arrebatador estão aí. Ele deixou perfeitamente claro que não pode me amar, e eu também não vou me apaixonar.

O problema é que não consigo ficar longe dele. Jonathan tem um certo jeito mandão na cama. A palavra “senhor” ​s
ai dos meus lábios antes que eu perceba, e quando ele me diz para ficar de joelhos… Bem, meus joelhos têm vontade própria.

Está tudo sob controle. Posso ser a escrava dele por algumas noites e partir para outra, ilesa.

Entramos nessa. Saímos. Damos o fora. Pronto.

Ele conhece a fronteira entre o amor e o desejo: fica bem entre as minhas pernas.

Agora vejamos se essa fronteira vai continuar clara para mim.

Deixe um comentário