Birdie Cousins se envolveu completamente nos preparativos do luxuoso casamento de sua filha Chess. Até que ela recebe um telefonema de Chess, no meio da noite, anunciando o rompimento do noivado. Esse é apenas o primeiro sinal do que será um verão de reviravoltas e revelações.

Birdie, então, decide dar um tempo no seu primeiro romance desde o divórcio e convoca Tate, sua filha caçula, e India, sua irmã, para que, juntas, unam forças em torno de Chess. As quatro viajam para a bela e rústica ilha de Tuckernuck, onde a família passou muitos verões. Sem telefone, sem televisão, sem comércio – um lugar onde elas podem fugir de seus problemas.

Mas basta reunir irmãs, filhas, ex-amantes e segredos de longa data em uma ilha remota, para que revelações dramáticas sejam feitas, antigos amores reacendam, e novas paixões surjam. 

A Ilha é uma sensível e tocante história que só Elin Hilderbrand é capaz de contar, com as angústias, risadas e surpresas que fizeram de seus famosos romances uma parte tão essencial do verão quanto uma longa tarde em uma praia ensolarada. 

Deixe um comentário