Pode o ruído incessante produzido pela sociedade contemporânea provocar instintos homicidas num morador de uma grande cidade? No novo romance da aclamada escritora Patrícia Melo, um rotineiro problema entre um pacato professor e seu novo vizinho acaba se transformando numa guerra bárbara, narrada em ritmo frenético e com a linguagem ácida e irônica que são a marca da autora, um dos principais nomes da ficção policial e urbana brasileira. 

Confrontando bem e mal, crime e castigo, sanidade e loucura, vida e morte, som e silêncio, Patrícia Melo constrói uma trama verossímil, ambientada num Brasil violento e desigual, onde a vida perdeu seu valor fundamental e o homicídio passou a ser uma forma de resolver problemas corriqueiros.  

Deixe um comentário