Travis Edward Maddock é lindo, rico, bem humorado... Resumindo: o sonho de consumo de todas aquelas que integram o sexo feminino. Mas quem pode culpá-las? O homem é a perfeição em forma física.

No auge dos seus 30 anos ─ após sua mãe ser diagnosticada com câncer em estado terminal ─, Travis decide que, enfim, chegou o momento de formar uma família e, consequentemente, realizar o sonho de Tatyanne Maddock: ele lhe dará netos. Contudo, essa não será uma tarefa fácil. Primeiro ele precisa encontrar "A Mulher Perfeita", que deverá possuir todas as características dais quais ele considera importantes em uma mulher. Características essas que ele guarda em uma lista, elaborada durante sua adolescência.

Christina Katheryn Wyatt é baixinha, gordinha, desastrada e acaba de ser colocada no olho da rua. A mulher nasceu com a bunda virada para qualquer lugar, menos para a lua.
No entanto, assim como existe aquele famoso ditado: "Nem tudo na vida é um mar de rosas", devemos lembrar a existência de outro, ainda melhor: "Nem tudo na vida é um mar de bosta". E quando Christina menos espera, eis que sua vida sofre uma reviravolta quando seu caminho cruza com o de Travis, em um bar nova-iorquino.

Agora, além de um teto, ela conseguiu um novo emprego. Ajudar o “gatinho” a encontrar "A Mulher Perfeita".

Mas o que acontece quando duas pessoas tão diferentes passam a dividir o mesmo teto? O que acontece quando o inesperado surge do nada e o amor aterrissa, CORREÇÃO, cai de paraquedas?

Afinal, os opostos se ATRAEM ou se COMPLETAM?

Deixe um comentário