Eles foram criados como irmãos, mas o sentimento não é nem um pouco fraternal. Jonathan sofreu um grande golpe da vida ainda muito novo, com seis anos perdeu seus pais em um terrível acidente de carro. Seu pai, antes de morrer, o deixou sob os cuidados de sua melhor amiga e seu marido, pessoas maravilhosas que o criaram com o mesmo amor que davam a sua filha biológica, um amor puro e sincero. Raíssa é uma menina tímida e amorosa, que ama seu irmão de criação mais do que deveria. 

Em busca de encontrar sua verdadeira personalidade, ela muda seu jeito de ser e de viver, mas nunca pensou que essa mudança poderia aproximar tanto Jonathan dela. O que você faria se amasse uma pessoa que não deveria amar? Deixaria ela partir ou lutaria por ela? Jonathan e Raíssa enfrentam esse dilema, mas a pergunta que não quer calar é: o amor pode realmente superar tudo?

Deixe um comentário