Escritor premiado e de sólida carreira literária, Edney Silvestre estreia no gênero conto com uma mistura envolvente de narrativas curtas com personagens marcantes e cheios de subjetividade

O livro começa no mais turístico bairro da cidade, passando pelo subúrbio, por suas misérias, por países como França e Itália, até chegar a outra galáxia – e então retornar a Copacabana, onde tudo parece mesmo se misturar, do começo ao fim. Quase como um fotógrafo, Edney passa-nos a impressão de que os seus personagens existem. 

Sem esconder a proximidade que sente em relação às suas criaturas, é como se cada história reinaugurasse a cumplicidade estabelecida entre o autor e os seus personagens. De forma tão original, sincera e envolvente que passamos a ser cúmplices também

Deixe um comentário