Da mesma autora de Wolf Hall
Uma das escritoras mais aclamadas, talentosas e premiadas de sua geração, Hilary Mantel está de volta com uma seleção de contos fantásticos.
Suas principais marcas registradas estão presentes nas dez histórias que compõem este livro: personagens com uma caracterização rica, pontos de vista aguçados, e ritmo e estilo de escrita fluidos e inteligentes que cativam um número cada vez maior de leitores – e que por vezes surpreendem até seus mais fervorosos fãs.
Histórias de expatriação e ruptura familiar, de infidelidade movida por vaidade e de morte súbita com causas sinistras provocam no leitor um desconforto bem-vindo, de um jeito que só Hilary Mantel sabe fazer. Alcançando o nível mais profundo da experiência humana, ela escreve de forma mordaz e sem rodeios sobre casamento, diferenças de classe, família e sexo. Imprevisível, diversificado e, em determinadas passagens, até mesmo chocante, O assassinato de Margaret Thatcher reitera a habilidade magnífica de uma escritora no auge de sua capacidade criativa.

• No mundo todo, os livros de Hilary Mantel já venderam mais de 5 milhões de exemplares.
• O assassinato de Margaret Thatcher entrou, logo após o lançamento, nas listas de mais vendidos do Sunday Times, na Inglaterra, e do New York Times, nos Estados Unidos.
• “Hilary Mantel evoca uma região sombria onde as fronteiras se tornam indistintas, em que o que poderia ter acontecido tem o mesmo peso do que de fato aconteceu.” – Washington Post

Deixe um comentário