Theodora está melhor. Voltou a se alimentar e a sair com alguns caras. Além disso, está se dedicando como nunca para se tornar uma grande bailarina profissional. Mas o repentino retorno de seu melhor amigo, Donovan, depois de quatro anos sequestrado, lança Theo de volta aos momentos que antecederam o fatídico episódio. 

Surge em sua memória a lembrança do sequestrador... Donovan não fala nada sobre o que viveu no cativeiro. Dizer a verdade poderia colocar em risco tudo aquilo pelo qual Theo havia lutado: sua imagem, sua carreira, sua reputação e seu verdadeiro amor. Na ponta dos pés é um livro arrebatador. A vida conturbada de uma jovem talentosa nos faz acreditar que a superação pode ser difícil, mas sempre há tempo para recomeçar.

Deixe um comentário