Ator, cenógrafo, figurinista, dramaturgo, arte-educador e contador de histórias, o carioca Augusto Pessôa foi buscar na tradição nórdica as histórias de seu novo livro.

Na coletânea A panqueca fugitiva, o resmungão e outros contos nórdicos ele reconta oito histórias passadas de geração em geração pelos povos que habitaram a Escandinávia, sobretudo a Islândia, e que estimulam a imaginação e encantam leitores de todas as idades e de todas as partes do mundo por sua riqueza e universalidade.

Deixe um comentário