A irlandesa Tana French estreou na literatura com o aclamado No bosque da memória, ganhador do Edgar, e desde então frequenta a concorrida lista dos mais vendidos do The New York Times com romances policiais marcados por forte tensão psicológica. 

Em Porto inseguro, a autora constrói uma trama protagonizada por um herói fragilizado e uma família devastada por um crime hediondo, tendo como cenário uma Irlanda em crise econômica. 

O livro conta a história do detetive Mick Kennedy, que precisa enfrentar os próprios demônios enquanto investiga a morte de três membros de uma família no mesmo lugarejo onde, há muitos anos, vivenciou um terrível acontecimento durante uma de suas férias de verão.

Deixe um comentário