Assim termina a jornada do lendário mago Merlin, uma história de lealdade, sacrifício e traições. Retornando a sua terra natal, Myrddion Merlinus encontra uma nação dominada pelo medo e pelo caos. A Britânia está imersa em uma guerra sanguinária contra os invasores saxões, e Myrddion, obrigado a jurar total obediência para salvar a vida de seus companheiros, coloca seus dons de curandeiro a serviço do Alto-Rei, Ambrósio, um homem sábio e justo. 

Mas as malhas do destino farão esse conselheiro dos reis responder a um novo senhor: o grande Uther Pendragon, que fará tudo para que as habilidades de Myrddion o aproximem cada vez mais de seus objetivos – e o afastem de sua própria loucura. Em um terrível jogo de sofrimento e sacrifício, o curandeiro deverá mais uma vez lutar por sua sobrevivência e pela glória de seu povo, tendo apenas como consolo sua própria profecia de que tudo aquilo não será em vão.

2 Comentários

  1. Oii!
    Gostei da resenha, mas, sinceramente, nunca ouvi falar desse livro. Mas ele me lembrou de "A bússola de ouro", apenas pela capa. Não sei, parece bom, falando de Merlin. Gostei.
    Vou seguir teu blog, segue o meu? Assim continuamos as leituras.
    beijos.
    http://mundo-restrito.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Gostei do livro, a saga parece bem interessante. Beijos.
    Minha Doce Estante

    ResponderExcluir