UMA DAS PRIMEIRAS MULHERES A COMANDAR UM ESTADO BRASILEIRO, NO SÉCULO XVI .

Em tempos diversos, por inúmeros motivos, três mulheres – Ana, Luisa e Antônia – deixam o lugar em que vivem, atravessam o mar e vêm morar em uma sesmaria selvagem. Ali, as vidas dessas mulheres se cruzam, em meio a índios, ¬ fidalgos, degredados, bastardos, piratas, frades, noviços, criadas, escravos, curandeiros, naus, ventos, medalhas, procissões, animais, intrigas, missas, vinganças, desejos, traições e venenos. 

Até que ocorre a misteriosa morte de um capitão-mor, que é, respectivamente, ¬ filho, marido e amante de cada uma delas. Então tem início uma trama cheia de ressentimentos mesquinhos, interesses escusos, tormentos cruéis, delírios desvairados, desencontros amorosos e pequenas vinganças que envolvem, sobretudo, aquela entre as três que herda a posse das águas e da terra e passa a ser chamada de A Capitoa.

2 Comentários

  1. muito legal! Estou morrendo de vontade de ler esse livro (alias estou morrendo de vontade de ler todos os livros do John Green ) Seu blog é muito lindo ,parabens
    Se você puder acessar meu blog e deixar sua opinião nos comentarios seria realmente muito importante. Obrigada

    http://eraumavezumaestante.blogspot.com.br/

    Bia

    ResponderExcluir
  2. uau que capa lindaaa <3
    adorei! não conhecia o livro, fiquei encantada!

    Beijos!
    tamigarotaindecisa.blogspot.com.br

    ResponderExcluir