Escondida em um antigo sótão, tais palavras são a chave para desvendar um grande segredo: o amor da vida de Jane Austen. Como toda grande história romântica, ela é tortuosa, marcada por encontros, desencontros, risos e lágrimas. E, como tudo relacionado a Jane Austen, o leitor também encontrará nela uma boa dose de humor espirituoso e crítica social. Contudo, os segredos dessas memórias vão além do que todos os fãs da escritora poderiam esperar.







Eu, Anna- Elsa Lewin 
Anna Welles, 50 anos, divorciada, mora em um minúsculo apartamento com a filha adolescente em Nova York. Sentindo-se perdida e desamparada depois do fim de um casamento de quase trinta anos, ela busca meios de se reerguer. Em uma noite, depois de uma festa para solteiros, Anna acaba no apartamento de um estranho, e, de repente, toda a frustração e a solidão vêm à tona. E o que se segue é o início de seu pior pesadelo.

2 Comentários

  1. Eu tenho que ler as memorias perdidas de Jane Austen, tipo eu desde a primeira vez que ouvi falar dos livros da Jane e da sua história, eu acho que ela acabou virando uma das minhas inspirações no mundo da escrita e leitura. ^^

    Ah... Seu blog é lindo. Estou seguindo, ta bem??
    Beijos.
    http://garotaeseuslivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Quero MUITO ler o livro da Jane =)

    ResponderExcluir