O misterioso Antonio Vilemum convida indivíduos especiais para se tornarem novos Protetores. Entre eles, Jango, o amazonense, Mirah, a oriental, Ordep, um futuro caçador de vampiros, Jhava, uma mulher comum em busca de seu marido, Astrid, a psicóloga, Rufus, o historiador e Gargul, o homúnculo.

Na primeira reunião realizada em sua mansão os protagonistas são lançados em uma noite de aventura fantasmagórica. Depois dessa empreitada inicial descobrem que o sobrenatural é parte integrante do mundo em que vivem. Ao tornarem-se Protetores é seu dever proteger os frágeis e indefesos seres humanos da sede de sangue dos vampiros, das garras de lobisomens, dos demônios que pretendem aprisionar almas e de fantasmas em fúria.

Em um cenário urbano se desenrolam suas aventuras e como na vida real alguns personagens buscam seus próprios caminhos, enquanto novos personagens se unem ao grupo ao longo da saga.

Esse é um romance de aventura fantástica, com ênfase no horror. 

“Vampiros gostam de sorrir para mostrar o quão insignificante são os humanos."
------------
“O vampiro abriu a bocarra para o professor, revelando dois caninos pontiagudos, e sibilou como uma serpente em tom de ameaça. O cientista teve tempo de fazer duas coisas antes que a criatura as trevas pulasse em cima dele: gritou cuidado e colocou seu braço mecânico diante do rosto para se proteger. O vampiro voou sobre ele. Os dentes foram cravados no braço de metal.” 

Deixe um comentário