Segundo volume da série Os Vampiros de Morganville.

Claire Denvers tinha sua cota de dificuldades – como ser o gênio em uma escola que valoriza mais a beleza do que a inteligência, lidar com as garotas homicidas do seu alojamento e, acima de tudo, descobrir que a cidade onde se localiza sua faculdade é dominada por vampiros. 

Vendo a situação pelo lado positivo, ela tem um ótimo companheiro de quarto (que costuma desaparecer ao nascer do sol) e um novo namorado chamado Shane… cujo pai, um caçador de vampiros, chamou reforços: uma gangue de motoqueiros que gosta mais de matar do que de qualquer outra coisa.
 MÁ NOTÍCIA, GAROTAS: ELES ESTÃO MORTOS.

 Agora uma fraternidade está organizando sua festa anual, o Baile da Garota Morta, e – surpresa! – Claire e sua melhor amiga, igualmente excluída, Eve, foram convidadas. Quando descobrem por que, o céu já está prestes a desabar. Porque dessa vez vivos e mortos estão à solta – e todos estão com fome de sangue.
"-Claire... vadia! - a voz dela soava rouca e áspera -- Acha... que... isso... vai nos tornar... amigas?
- É claro que não. - Claire respondeu -- Mas você me deve uma. -- acrescenta Claire."---------
"- Sabe, pensei que você fosse uma criaturinha frágil quando a vi pela primeira vez, Claire, mas me enganei. Você é forte. Interiormente, sabe?
---------
" - Tudo bem, se tenho que ser um zumbi, serei um zumbi - Claire decidiu. Eve sorriu.- O mais bonitinho que já existiu."
---------
"Ela o beijou. Não foi um beijo inocente. Nada disso. Sentia-se como aquelas rosas na sala de estar, densas, vermelhas e cheias de paixão, e essa era uma sensação nova para ela, absolutamente nova..."

Deixe um comentário